Naruto Revo Online


 
PortalInícioRegistrar-seConectar-se
Hey... quanto tempo faz que seu personagem não come? Evite as penalidades por desnutrição... visite o Ichiraku com frequência, lá seu personagem pode se recuperar em instantes !
Sempre lembre de remover itens descartáveis de suas fichas quando os mesmos forem usados. Seja honesto consigo mesmo.

Compartilhe | 
 

 Campo de Treino - Hayate Akasuna

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Seg Jun 29, 2009 6:44 pm

Retornando aos Treinos.

Hayate depois de passar uns dois dias descansando, decide que é hora de voltar à ativa. Ele então sai de sua casa e anda pelas ruas da vila despreocupado indo na direção de seu campo. Enquanto anda, Hayate pensa em algo para treinar o que não é difícil.

Grande Campo.

Hayate passa por sua trilha escondida e chega na área aberta do campo, onde o vento passa muito forte e a calma no local é imensa. Hayate estava vestindo sua roupa de sempre com seu colete e estava usando uma de suas luvas em uma das mãos e a outra se encontrava enfaixada do pulso ate o antebraço. Hayate coloca suas coisas em um canto perto das árvores e se afasta um pouco.

Aquecimento!

Hayate estala seus dedos e fica alongando os braços e logo depois suas pernas, ele se estica todo e então puxa um pergaminho do seu colete e o abre no ar já fazendo o Jutsu de invocação para invocar a sua marionete Blade. Então ele usa o Kugutsu no Jutsu para controlá-la e então a mexe lentamente aquecendo os dedos.

Hora de Treinar Sério!

Hayate então começa a correr para o lado ainda controlando sua marionete e a levando junto, ao chegar perto de uma árvore ele salta e fica em um galho, lá de cima ele começa a fazer selos com as mãos e então faz um jutsu, O Ninpou – Puppet Bunshin no Jutsu, e logo um clone da marionete aparece e já sendo controlada por Hayate que pula para outro galho movendo as duas marionetes, a original e o clone. Hayate consegue manter o clone perfeitamente igual à marionete e os movimentos estão muito bons, então ele decide que era hora de fazer outro. Hayate faz outro clone da sua marionete usando o jutsu.

Luta das marionetes.

Hayate agora possui a sua marionete e mais três clones que ele conseguia manter. Ele pula para o chão e então com uma das mãos controla a original e com a outra mão controla as outras três. Ele faz com que a marionete pegue suas espadas e defenda o ataque dos clones e tenta manter o jutsu para que ele não seja desfeito rapidamente. Ele fica lutando com as marionetes por algum tempo até que se sente exausto pela perda de chakra.

Ultima tentativa.

Hayate faz mais um clone formando um total de cinco marionetes, quatro clones e a original que começam a rodar em volta dele e ele fica se concentrando para não perder as marionetes já que ele nunca havia feito mais de dois clones. Hayate consegue segurar seus clones por um tempo até que chega ao limite e então desfaz o jutsu caindo de costas sentado em uma árvore.

Descansando.

Hayate com um pouco de força desfaz sua marionete e a coloca de volta no pergaminho e o guarda. Ele fica ali sentado relaxando seu corpo e ofegante, ele sentia que seu jutsu estava bom, ele conseguia mantê-lo por um bom tempo e conseguia fazer o máximo de marionetes que pode controlar, isso era ótimo e já podia contar com o jutsu para as próximas lutas.
Depois de um tempo sentado ele se levanta se sentindo sonolento e cansado, ele caminha até suas coisas e depois de pegá-las ele sai de lá andando para a vila.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Aburame Rukisu [ADM]
ANBU
ANBU
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 210

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Seg Jun 29, 2009 7:20 pm

Análise
Bem aka, não tenho muito a dizer.... você não fez nada de impossível para o seu personagem e descreveu bem o que estava fazendo, não tenho algo de importante para diminuir sua recompensa.
Recompensa
30% no jutsu do clone de marionetes ( eu não add isso na sua ficha) agora vc esta com 100% do jutsu certo ?! :sandgennin:
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Qua Jul 01, 2009 10:15 pm

Uhuu! Hora de Treinar!

Hayate acordou animado para treinar, ele teve que fazer alguns trabalhos pela manhã e só teve tempo à tarde. Após acabar com todos os seus afazeres ele corre para casa e pega seus equipamentos, ele sai correndo e pega o caminho pelas ruas da vila e depois pela floresta, chegando rapidamente ao seu campo.

Refrescando e Aquecendo.

Ao chegar ao seu campo, Hayate corre rapidamente para perto do grande lago e deixa suas coisas encostadas em uma árvore próxima, ele fica somente com roupas leves e então corre dando um salto para dentro do lago. Ele fica ali se refrescando um pouco e então sai molhado, ele se balança para se secar um pouco, ele pega um de seus pergaminhos pequeno e o abre invocando uma marionete (Karasu) e logo utiliza o Kugutsu no Jutsu para movimentar a marionete. Nesse tempo ele fica dando golpes no ar com a marionete somente para aquecer.

Treinando Genjutsu!

Hayate larga um pouco a marionete e utiliza o Tsuchi Bunshin no Jutsu criando um clone de terra, ele volta a utilizar seu Kugutsu para controlar a marionete e então se afasta um pouco de seu clone que já sabia o que fazer, Hayate fecha os olhos se concentrando e após um minuto ele faz os selos do jutsu e utiliza o seu Genjutsu no Karakuri no clone que estava olhando para sua marionete. O clone então começa a ver milhares de marionetes ao seu redor e então de cinco em cinco e as ilusões vão o atacando e cada vez mais rápido. Hayate lança a sua marionete pelo ar para cima do seu clone e o mesmo consegue defender! Hayate fica um momento sem entender e então fica olhando pensando.

Concertando as Falhas.

Hayate então chega um pouco perto do clone depois de ter desfeito o genjutsu e pergunta como ele soube, depois do clone falar, Hayate pensa em algum modo de mudar isso e então ele tem uma idéia. Ele se afasta do clone e então se concentra fazendo novamente os selos e utilizando o genjutsu, nessa hora o clone começa a ver as ilusões, mas dessa vez ao atacar, Hayate alem de ter utilizado o genjutsu nos olhos ele faz com que afete também a audição para disfarçar o som da marionete e deixar ele ouvindo um barulho por todos os lados o confundindo mais ainda. Dessa vez o clone é acertado por um golpe no estômago pela marionete original, o clone é desfeito e então o genjutsu automaticamente também.

Ultima Vez.

Hayate agora se sentia cansado, mas ele queria tentar mais uma vez. Ele faz seu clone de terra novamente e então utiliza seu genjutsu no clone dessa vez fazendo tudo certo, ele fica rodando com as ilusões e com sua marionete e parece que o seu clone está confuso e então Hayate o ataca por cima e o acerta em cheio.

Tudo que é bom, dura pouco.

Hayate cancelava todos os jutsu e até sua marionete voltava para o pergaminho, ele então cai de joelhos se sentindo muito cansado e logo se deita no chão olhando para o alto ofegante e de olhos fechados. Hayate havia gastado muito chakra nesse treino e estava exausto, mas agora ele tinha descoberto uma falha e tinha a concertado e estava feliz por isso. Ele ficava ali bastante tempo descansando e quando se sentia melhor, ele levantava e depois de pegar suas coisas ele ia lentamente andando para fora do campo se sentindo ainda muito cansado.

Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
[GM]Natsuke
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 0

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Qua Jul 01, 2009 10:34 pm

Analise Muito bom treino hayate, uso de rpg perfeito e pelo que eu vi nenhum erro de ortografia muito bom mesmo esse treino hayate parabens!
PontosPelo otimo treino voce ganha 40% no seu jutsu parabens!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Sex Jul 03, 2009 10:23 pm

Ei Você... É hora do treino!

Hayate estava em sua casa dormindo e tendo um sonho estranho, ele estava no seu
campo sentado olhando para as nuvens e de uma hora para outra o céu escurece e
então uma voz vinda do céu grita como se fosse um trovão caindo e dizendo para
ele treinar. Estranho? Muito! Hayate leva um susto e pula de sua cama já
ficando em pé, ele relaxa ao ver que era um sonho somente e ele ia seguir o que
falava o sonho... Treinar.

O Grande
Campo.


Hayate andava calmamente até o seu campo de treinamento e chegava até a parte
perto do lago, ele tirava seu pergaminho das costas e o encostava a uma árvore
e então andava até o campo de bambus que estava próximo e ao chegar lá ele
estalava seus dedos e pegava um pergaminho do colete e o abria liberando sua
marionete bem na sua frente.

Misturando.

Hayate fazia um Tsuchi Bunshin e o clone andava para dentro do bambuzal
enquanto ele se concentrava e usava o Kugutsu no Jutsu para controlar sua
marionete Blade que sacava a suas espadas e ficava pronta para o ataque. Hayate
se movia até conseguir ver seu clone no meio dos bambus e então quando o clone
olha para a marionete, ele faz os selos e utiliza o Genjutsu no Karakuri e ao
mesmo tempo o clone começa a ver suas ilusões, Hayate faz com que as ilusões se
movam sem tocar nos bambus e faz o mesmo com sua marionete.

Combinando
Jutsus.


O Clone tenta se defender de todas as maneiras possíveis das ilusões que o
estão atacando, Hayate então decide usar o Doton: Kugutsu no Jutsu que
fortalecia as linhas do chakra que controlava a marionete com o elemento doton
tornando os movimentos da marionete mais precisos e aumentando a força dos
ataques. Hayate fazia isso no intuito de atacar seu clone sem dar tempo nem
mesmo dele ver alguma marionete atacando.

Combinação.



Hayate antes de atacar seu clone fazia com que sua marionete cortasse alguns
bambus em volta para confundir seu clone, ele então corta um bambu na frente do
clone e enquanto o bambu está caindo, ele ataca com sua marionete pelas costas
do clone que pela velocidade do ataque não consegue se defender e então é
atingido em cheio. Ao mesmo tempo em que o clone se desfaz em terra, o bambu
acerta o chão e todas as ilusões desaparecem.

...

Hayate para de utilizar o chakra doton no Kugutsu e o utiliza normalmente
enquanto ia com sua marionete de volta a suas coisas. Ao chegar, ele se “joga”
no chão sentado ao lado de suas coisas e desfaz a invocação de sua marionete e
então guarda seu pergaminho. Ele não estava completamente esgotado, pois havia
sido um treino rápido, mas mesmo assim estava ofegante por gastar bastante
chakra fazendo três jutsus quase ao mesmo tempo, e dois deles estavam sendo
aperfeiçoados. Ele retira suas roupas pesadas e então se levanta devagar indo
com calma para o lago, ao chegar ele entra na água e quando esta somente com a
cabeça de fora, joga seu corpo na água dando um mergulho e depois voltando
boiando no meio do lago.

Indo para
casa.


Hayate depois de boiar por um tempo relaxando o corpo, ele sai da água nadando
e então pega suas coisas depois de se secar um pouco. Ele caminha para fora do
campo carregando suas coisas e vai embora pensativo.

Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
[GM]Natsuke
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 0

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Sab Jul 04, 2009 11:13 am

Uou hayate como sempre fazendo um otimo treino cara parabens, quase nenhum erro de ortografia e concordancia acho que nenhuma parabens mesmo, gostei do seu rpg explicando bem as coisas e dando o maximo de realismo possivel parabens!
Pontos: 2 habil, 1 controle de chakra e tambem 5% em cada jutsu parabens!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Dom Jul 05, 2009 3:45 pm

Novo Dia.

Hayate achava que mudar um pouco o tipo de treinamento seria bom, ele diz que
seus jutsus estão bem treinados e ele deve tentar algo “novo”. Ao amanhecer ele
acorda e depois de tomar café da manha ele vai embora de casa seguindo para seu
campo de treino correndo para aquecer.

Preparando o Treino.


Hayate ao chegar caminha até o campo aberto e então segue para um lado do campo
onde ficam as árvores, ele pega uma kunai e marca um alvo naquela árvore e
então caminha lentamente com a kunai na mão até o outro lado do campo onde
havia mais árvores. Ele se aproxima de uma das árvores e então faz a mesma
marcação na árvore como se fosse um alvo, mas esse tinha um X no meio. Ele
guarda sua kunai e então respira fundo esticando as pernas.

Treinando duro.

Hayate depois de se preparar se posiciona em frente à árvore marcada com um X e
coloca o pé nela se abaixando no chão. Ele conta até cinco e então começa a
correr fixando sua visão no alvo do outro lado do campo, ele corre com toda sua
velocidade tentando manter um ritmo constante. Ao chegar perto do alvo ele se
prepara e quando fica bem perto ele salta batendo seu pé no alvo e gira pegando
impulso na árvore e correndo para o outro lado agora fixando seu olhar no alvo
com o X.

Repetição.

Ao chegar no alvo do X ele salta colocando um dos pés na marca e gira o corpo
novamente pegando impulso e saltando para frente e correndo para o outro alvo.
A distância entre os alvos era um pouco grande, mas Hayate continuava com sua
corrida cada vez mais rápida. Ao alcançar o outro lado ele agora pulava e
acertava o alvo com os dois pés dando uma cambalhota para trás e girando no ar
para fica de frente e já começar a correr de novo.
Hayate fica correndo de um lado para o outro controlando sua velocidade e
variando o modo como pisava nos alvos.

Marcando o salto.

Hayate corria e então decidia marcar quantas vezes ele ia de um lado ao outro.
Para isso ele pega uma kunai e então corre até chegar em um dos lados, e ao
chegar ele salta dessa vez ao invés de só colocar os pés, ele fazia um risco no
tronco com a kunai. Ele repetia seus movimentos algumas vezes até que ficava
muito cansado, e parava para descansar.

Descansando.

Hayate encostava-se a uma árvore que estava marcada e ficava abaixo dela. Ele
olhava para as marcações e então se levanta sentindo suas pernas tremerem e
então começa a contar os riscos que havia feito. Quando finalmente chega a
décima marca ele parava vendo que aquilo ia demorar demais e então se senta
encostando-se na árvore e respirando fundo relaxando. Ele estava cansado e não
conseguia mais correr, então ele ficava ali sentado por um bom tempo até suas
pernas pararem de tremer e elas estavam doendo.

Treino Pesado.

Depois de descansar por bastante tempo, Hayate se levantava e então tentava
correr novamente. Ele chegava até a outra árvore marcada e então quando ia
pular sentia uma dor nas pernas e então se equilibrava e parava de correr se
sentando no chão. Ele via que não conseguiria continuar e então lentamente se
levantava e saia andando de lá com um pouco de dificuldade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
[GM]Natsuke
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 0

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Dom Jul 05, 2009 3:59 pm

AvaliaçãoTreino impecavel parabens fiquei surpreso pois não teve nenhum erro de ortagrafia e um rpg impecavel e claro de se intender não tenho muito oque falar está de parabens!
Pontos Pelo seu treino você vai ganhar 2 pontos em habilidade e 3 pontos em velocidade parabens hayate!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Qui Set 24, 2009 1:10 pm

Novo Estilo.

Hayate chegava ao seu campo andando com as mãos no bolso e aparentemente tranqüilo.
Ele tinha acabado de sair da biblioteca e tinha pego alguns livros sobre
marionetes e madeiras, ele pensava em breve fazer algo. Ele chegava perto de
uma árvore e então colocava suas coisas encostadas na mesma, tirava um
pergaminho pequeno de seu colete e o abria assim invocando a marionete Blade.
Ele usava o Kugutsu no Jutsu e então ia até a floresta e voltava carregando um
toco no ombro e com a outra mão controlava a Blade. Colocava o toco em cima de
uma pedra equilibrado e então se afastava.

Konoha Dai Shoufuu.


Hayate ficava encarando o toco e logo fazia sua marionete pegar 2 espadas, 1 em
cada mão de cima. Ele estava a uma distancia grande do toco e então avançava
com a marionete contra o toco e quando estava um pouco perto ele lançava sua
marionete no ar e formando um X com as espadas. Hayate largava a marionete no
ar naquela posição e então usava shunshin no jutsu aparecendo abaixo do toco e
dando um chute nele para o alto e usava novamente shunshin para cima e então
dava 4 chutes no toco sendo que no ultimo lançava o toco com um forte chute
para trás. Hayate usa o Kugutsu no Jutsu para controlar a marionete novamente
que estava quase no chão e então da uma investida contra o toco que estava
tocando o chão e quando o toco cai, a marionete já estava em cima cortando ele
com as espadas.

A Arte do Taijutsu.

Hayate caia no chão de pé e então andava ate sua marionete e o toco. Ele o
colocava de pé e então se afastava junto a marionete. Ainda com o Kugutsu,
Hayate tenta utilizar o shunshin no jutsu e então aparece abaixo do toco e da
um chute para o alto com toda força, e de novo para o ar onde dava os 4 chutes
no toco com força e no ultimo ao invés de lançá-lo para o chão o jogava mais
ainda pro alto girando e enquanto Hayate caia lançava a marionete para o ar
onde começava a golpear o toco com as espadas.

Ultimo ataque.

Hayate caia no chão de pé se sentindo um pouco cansado porque o taijutsu exigia
velocidade e força elevadas, ele deixava o toco cair e se aproximava do toco
que estava com marcas de chutes e vários cortes de espadas. Hayate levantava o
toco e então pulava para trás se afastando. Ele deixava a marionete de lado e
então se preparava para o ataque, respirava fundo e então usava shunshin indo
com toda a velocidade para o toco e por baixo dava um chute com força e com
toda velocidade ainda usava o apoio dos braços no chão para pegar impulso pro
ar e bem perto do toco ele da 3 chutes e no 4º ele gira pegando força e batendo
o pé com tudo no toco que se divide ao meio pela força e também por estar todo
batido e cortado, ou seja, já estava meio “podre”.


Descanso.

Ele cai no chão e depois fica de joelho cansado por ter feito muito esforço,
ele se levanta com um pouco de dificuldade e pega a marionete levando para
perto de suas coisas, ele coloca ela para o pergaminho de novo e então senta um
pouco perto da arvore para descansar. Depois de um tempo ele levanta com um
pouco de dificuldade e então calmamente sai andando.
Voltar ao Topo Ir em baixo
[GM]Natsuke
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 0

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Qui Set 24, 2009 5:38 pm

Otimo treino aka, rpg perfeito e sem erros de ortografia oque posso dizer do treino? /\ normal

pelo treino voce ganha 20% do taijutsu parabens.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Sab Out 17, 2009 1:17 am

Hora do Treino!

Hayate acordou nesse dia um pouco tarde, o café da manhã já não tinha mais
tempo, e agora já teria que almoçar, depois de ter feito isso e se preparado
todo, partiu pra biblioteca primeiro, antes de ir para seu campo treinar, lá
ele pegava um certo pergaminho e começava a estudá-lo com toda calma e
seriedade. Depois de alguns longos minutos lá dentro, Hayate saia da biblioteca
levando com ele um pedaço de pergaminho onde ele mesmo havia escrito algumas
coisas, dali ele partia sério e pensativo para seu campo.

O Campo, O Treino, O Jutsu.

Hayate chegava ainda com o rosto sério no campo e pensativo, ele estava com as mãos
nos bolsos, ele ia andando até perto de uma pedra de tamanho médio e então
coloca em cima dela suas coisas fazendo seu corpo se movimentar livremente.
Hayate então pegava o pedaço de pergaminho onde havia copiado algo do livro e
no pergaminho estava escrito o seguinte :

Juuha Shou (Estrondo Ondular da Besta)
Quem usa: Sora
Rank: C
Nota: Não existe no mangá.
Descrição: Sora move seu braço e dele sai uma lâmina bumerangue feita de vento.



“Afiar o Maximo.”

Hayate lia aquilo e então suspirava fundo. “isso não deverá
ser tão complicado como estou pensando."

O Juuha Shou.

Hayate então tirava sua luva e a coloca junto com suas coisas, ele respirava
fundo concentrando seu chakra nos braços e então tentava colocar o elemento
fuuton nele, Hayate pensava no vento, em coisas afiadas e tentava passar isso
para seu chakra, ele faz os selos necessários e logo após fala
-Juuha Shou (Estrondo Ondular da Besta)-
Movendo seus braços para frente e lançando aquele chakra onde ele pensava em
coisas afiadas e tentava moldá-lo como sendo chakra fuuton, mas após liberar o
chakra nada acontecia. Hayate parava com os braços para frente que logo caiam
ao lado do corpo, não tinha dado certo “como eu esperei, não vai ser tão fácil”
, ele voltava a posição anterior concentrando chakra nos braços enquanto
tentava fazê-lo ficar afiado como se fosse uma verdadeira lamina, só que feita
de vento.

Desafio!

Após concentrar seu chakra, Hayate fazia os selos do jutsu e falava novamente o
nome do jutsu lançando seu chakra para frente junto com os braços, mas dessa
vez saia um vento que movia um pouco uma moita na frente dele. “Certo, já estou
conseguindo lançar meu chakra, agora só preciso deixá-lo afiado”
. Hayate fazia
diversas tentativas inúteis e sem sucesso, como sempre o chakra saia muito
espalhado e com isso o vento ia sem pressão deixando aquilo parecer apenas uma
brisa um pouco forte.

Impossível!

Hayate depois de diversas tentativas se jogava no chão sentindo já um pouco do
cansaço por causa da perda de chakra, ele ficava olhando o céu estrelado e
pensando no conflito que existia em sua própria cabeça. “isso é impossível,
como vou fazer meu chakra ficar afiado? Não consigo, eu desde Gennin aprendi a
moldar meu chakra de modo sólido e o Maximo expandido possível, e agora tenho
que fazer o inverso? Isso é muito complicado, acho que não tem como ”
. Ele já estava
cansado e irritado por não conseguir, ele fechava o olho com raiva por se
sentir inútil e por não ser capaz de fazer isso.

Motivação.

É então que Hayate abre os olhos e vê uma estrela cadente cortando o céu, de
uma hora para outra ele cria coragem e se levanta perdido um pouco em
pensamentos:“ eu não posso desistir, eu tenho que conseguir o meu objetivo de
ser o ninja mais forte de todos os tempos! Se eu não conseguir ganhar esse desafio
nunca irei conseguir concluir o meu sonho que é realmente um enorme desafio!”
.
Hayate então estava de pé fazendo um selo e juntando chakra em seus braços, ele
respirava fundo e pensava:“ Se antes eu expandia o meu chakra, acho que agora
tenho que comprimi-lo até ficar na forma que eu quero e se antes eu fazia ele
ficar sólido, tenho que deixar ele leve como o vento.”



Nunca Desistir!

Hayate então fazia isso com o chakra, tentava fazê-lo afiado
e comprimido, tentava moldá-lo na forma de uma lamina de verdade e pensava no
vento leve e suave, mas ao mesmo tempo forte e rápido. Hayate movimenta seus
braços com força pra frente, deixando eles serem jogados pela força inicial e
ao mesmo tempo liberando o chakra comprimido e afiado que estava contido neles.
Finalmente há um resultado, duas laminas feitas de vento são lançadas para
frente cortando toda a grama no caminho até chegar em uma arvore onde as
laminas simplesmente batem e causam um pequeno corte.

Finalizando.

Hayate se anima um pouco e sorri confiante.

“Agora eu consegui!”.
Ele caia um pouco de joelho pela perda de chakra, mas logo se recompõe e volta
a tentar novamente primeiro concentrando o chakra e depois moldando-o para então
fazer todo o procedimento novamente e ele diz em voz alta :
-Juuha Shou!-
E move seus braços para frente lançando novamente as laminas de vento que saem
cortando tudo pela frente até chegar em algo um pouco mais grosso e resistente.
“Ele ainda precisa ser melhorado, mas ter conseguido utilizar meu chakra fuuton
já é uma grande conquista por hoje.”

Hayate então vai de joelho no chão e se senta respirando fundo e ofegante
tentando recompor sua energia. Depois de algum tempo ali descansando ele se
levanta e pegando suas coisas saia do campo sorrindo, com o rosto cansado e um
pouco desajeitado.
Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
[GM]Natsuke
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 0

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Sab Out 17, 2009 2:57 pm

Uia voce aprendeu meu jutsu XD, como esperado de hayate um otimo aprendizado de jutsu, pra um jounnin que começa a dominar um novo elemento você foi muito vem sabendo bem utilizar essa natuteza de chakra com isso voce aprende o jutsu juha shou com 20% parabens!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Ter Jul 12, 2011 3:59 pm

Saindo dos pesadelos.

Hayate se sentava rápido em sua cama após acordar de um pesadelo. Novamente.
Ele colocava uma mão no rosto e sacudia a cabeça, esse seu pesadelo com uma mulher estranha que ele nunca tinha visto tinha começado a um tempo e era sempre a mesma coisa, ela aparecia e enquanto ele tentava se defender, os olhos de alguém aparecia e ele sentia uma dor imensa e isso o fazia acordar, não fazia muito sentido nada daquilo para ele. Então sem ter muito o que fazer, ele levantava e ia ao banheiro, enquanto tomava banho e se arrumava ele tentava esquecer esse sonho mais do que estranho.

Hayate pegava seus pergaminhos e os colocava em cima da cama, ele queria fazer algo, menos dormir novamente, então durante o banho tinha decido treinar. Ele ia até uma das suas gavetas procurando por uma tinta roxa que ele usava um tempo atrás, durante essa busca ele encontrava um livro, mas não se lembrava de tê-lo, estava escrito no título: “Venenos e Ervas Medicinais” . Ele estranhava aquilo, tudo bem que ele já tinha procurado um pouco sobre isso antes, mas nunca tinha comprado nenhum livro. Então ele o pegava e assim que o levantava sua cabeça doía bastante o fazendo soltar o livro e se ajoelhar com as mãos na cabeça tentando aliviar a dor. Ele tinha visto o vulto de um homem sentado em um local escuro cheio de estantes de livros e escutava algo como: “...5 ryus para emprestado e 70 ryus o livro...” A voz era irreconhecível, parecia vinda do fundo de um tubo. E então... nada, tudo tinha sumido, a dor, a voz, ele se levantava então sem entender e pegava o livro. “Isso foi estranho, preciso da ajuda de alguém, mas por enquanto, vamos treinar...”
Ele guardava o livro na mochila, já estava amanhecendo, ele pegava um pão que estava guardado e o comia com um pouco de suco. Depois disso reunia todas as suas coisas e ia para um local para treinar.

Aprimorando defesas.

Hayate chegava ao seu campo de treino sem muita dificuldade, ao entrar no local ele olhava em volta sentindo o ar fresco, o sol fraco da manhã estava começando a entrar para o local aberto. Hayate ia andando até o meio do local aberto onde tinham várias pedras e encostava sua mochila e pergaminhos ali. Ele olhava para o céu, parecia que fazia tempo que não voltava ali. Ele respirava fundo e pegava um dos pergaminhos o abrindo e invocando apenas uma das marionetes, a Karasu.

Ele pegava sua marionete sem usar o Kugutsu ainda e a carregava até se afastar um pouco de suas coisas e a colocava no chão. Então fazendo rapidamente os selos e concentrando seu chakra, ele terminava e de cada lado dele, começava a subir uma porção de terra que logo ia tomando forma e ficando iguais à ele. Aquele eram dois Tsuchi Bunshins (Clones de Terra).

-Certo, vamos treinar um pouco agora...-

Hayate lançava suas linhas de chakra até a karasu e então saltava para trás se distanciando dela e dos clones. Ele a levantava e dois clones se posicionavam para ataque. Os clones davam um passo para trás e então avançavam contra a Karasu. Hayate já estava concentrando seu chakra fuuton e começava a girar a Karasu.

- KUGUTSU NO JUTSU - KAZE NO TATE-

Uma forte rajada de ar começava a sair por toda as partes da marionete, mas não a tempo o que fazia a marionete receber os dois chutes que a lançavam para perto de Hayate.
“Droga, muito lento...”
Ele levantava a Karasu novamente e começava novamente o jutsu quando vê os dois clones indo para cima da marionete com toda velocidade, ela já estava efetuando o jutsu, mas apenas um dos chutes é um pouco desviado do local onde iria atingir e o outro acerta onde o clone queria e isso fazia a marionete sair rodopiando para o lado. Hayate consegue parar ela a tempo antes de bater contra uma pedra.
“Aumentar um pouco a intensidade, eu tenho que fazer o ataque ser lançado completamente para outro lugar...”
Ele tinha se distraido um pouco e a marionete quase levava outros dois chutes, mas ele desviava a tempo e começava a rotação com mais força e liberando uma rajada mais forte de vento. Os clones já estavam em outra investida quando a perna de um dos clones era lançada para o lado sem muita força, mas a outra não era impedida a tempo o que fazia o chute pegar, mesmo um pouco sem jeito na marionete. Os clones pisavam no chão se firmando e voltavam ao ataque, mas Hayate já estava preparado e a Karasu também, dessa vez tinham conseguido fazer a defesa de forma mais rápida, o que era necessário. Então desviando os chutes dessa vez de forma mais eficaz, mas ainda não o suficiente, os chutes eram desviados, mas ainda faltava algo, alguém com mais força poderia muito bem acertar já que não fazia os chutes desviarem tão bem.

Problemas.

Ele se concentrava agora, os clones iam dar o chute quando a Karasu já estava com o jutsu com força total, fazendo um dos chutes ser desviado e o outro ser jogado para longe fazendo o clone girar e cair de mal jeito no chão.
“É isso, vamos a última com força total.”
Ele começava agora quando os clones estavam mais próximos da Karasu. E foi bem eficaz, o que fez os dois clones girarem no ar com o chute e irem para trás.
“Muito bom...”
Quando Hayate parava o giro, percebia algo estranho, alguns pedaços de madeira no chão. Então correndo ele se aproximava da Karasu e logo via o que estava errado, a parte de fora de madeira que protegia um dos braços, estava destruido no chão deixando os circuitos e armas expostas.
-Droga! Como aconteceu isso? É impossivel que esses chutes tenham danificado ela...-
“Danificado, é isso! Acho que na última missão ela tinha sido atingida, deve ter causado alguma rachadura no parte externa do braço que eu não tinha visto”
-Que grande ninja titeriteiro eu sou...devia ter verificado isso antes, que droga..-

Hayate se levantava respirando fundo e pegava a Karasu desfazendo seus dois clones que voltavam a ser montes de terra.

-Vou ter que achar algum lugar para ver isso agora..-

Ele ia até suas coisas e ia embora carregando a Karasu por cima dos ombros.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dérik Kaguya
Chunnin
Chunnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 250

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Ter Jul 12, 2011 4:44 pm

Análise:Muito bom o treino, é bom ver que esta postando novamente xD ^^
Recompensa: 35% em KUGUTSU NO JUTSU - KAZE NO TATE e +2 em Controle do Chakra
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Seg Jun 18, 2012 2:03 pm

Citação :
A ação não acontece no campo, mas achei mais plausível postá-la aqui

Conserto

Hayate acordava bem cedo, precisaria agir rapidamente e tentar a sorte, então comia algo e ia caminhando com seu pergaminho nas costas, andava pela vila com a capa, usando o capuz cobrindo parte do seu rosto e com as mãos nos bolsos, estava pensativo.
Depois de poucos minutos chegava a seu destino, estava na loja de marionetes da vila, ela tinha acabado de ser aberta, então o dono ainda estava terminando de ajeitar as coisas.

-Bom dia velho amigo, preciso de um favor- Dizia Hayate esboçando um sorriso e tirando o capuz.
O dono da loja virava e erguia uma sobrancelha quando via Hayate. Antigamente era um local que frequentava muito para consertar ou comprar peças para as marionetes.

-Faz um bom tempo que não o vejo por aqui, do que irá precisar?-
-Bem, fico um pouco constrangido em pedir isso, mas poderia me emprestar algumas ferramentas para que eu possa consertar minhas marionetes?-
-Oh, você mesmo irá fazer isso? Bem, infelizmente não empresto meu material, desculpe meu amigo-
-Ah, por favor, eu mesmo farei, estou aprendendo sobre isso a cada dia, mas podemos fazer assim, o senhor me empresta, mas eu fico por aqui, onde você possa ficar de olho em mim, caso eu quebre algo pagarei a você-
-Não sei, preferiria eu mesmo consertar para você, mas iria exigir a mão de obra-
-Exato, minhas finanças não estão muito boas ultimamente e acho que terei de comprar algumas peças, então compro aqui mesmo, combinado?-
-Ta certo, você pode usar a oficina lá atrás, mas limpe tudo depois e cuidado com minhas coisas- Mostrava apontando com o polegar para uma porta que ficava depois do balcão e atrás dele.
-Ótimo, eu agradeço demais por isso-

Hayate então sorria e apertava a mão do dono da loja, logo após se dirigindo para os fundos da loja onde ficava a oficina. Ele chegava lá dando uma boa olhada em volta e realmente era impressionante, tantas peças e ferramentas, estaria feito com um lugar como aquele.
Ele lançava o pergaminho no chão o abrindo e então invocava a Kuroari e a Karasu, logo após pegava o pergaminho do colete e o abria invocando assim a Blade.
Ele olhava para elas, a Kuroari estava apenas suja e só precisaria apertar o fecho do báu dela, a Karasu iria precisar de um desmonte dos braços e então os recolocar já que um deles estava completamente emperrado, já a Blade daria mais trabalho, todas as juntas dos braços estavam emperradas ou quebradas, além de algumas rachaduras pela marionete. Na cabeça de Hayate passava um flashback da cena que danificou tanto a Blade, sua mão fechava e então ele balançava a cabeça, precisava aprimorar mais aquela técnica para que isso não voltasse a acontecer.

Ele puxava a Kuroari para perto de um banco e então andava pegando uma caixa de ferramentas. Sentava-se de frente para ela e então seus dedos brilhavam, ele fazia com que ela abrisse os fechos do baú e então os fechava, um deles não fechava direito, então ele abria novamente e pegava algumas ferramentas, usava um pouco de força para retirar a parte de ferro que se prendia e então usava algo para bater, assim desentortando o pouco que estava fora do lugar, não precisava de muito e nem estava tão ruim, mas aquilo tenderia a piorar e no futuro acabaria quebrando quando mais precisasse, então consertava logo. Colocava a peça no lugar com todo cuidado.

Quando finalmente acabava, carregava ela para um canto e pegava a Karasu agora. Sentava no banco e então começava a trabalhar nela, primeiro a abria no tronco, assim vendo as juntas dos braços, ele então via o problema, uma das partes de metal do braço tinha ficado presa no local onde era possível liberar cada braço, ele desprendia aquilo com algo que parecia uma chave de fenda e então mexia com um alicate colocando a peça no lugar e apertando tudo para que ficasse novamente preso, ia movendo com o Kugutsu o braço até que estivesse bom novamente e fazia os ajustes necessários.

Ele colocava a Karasu do lado da Kuroari e então era a vez da Blade, dessa vez ele retirava todas as partes dela, colocava por cima de um pano que havia estendido no chão, agora ele via 3 juntas quebradas, aqueles três braços não se moveriam nem ajeitando o encaixe, então precisaria substituí-los, ia até a frente da loja e falava com o dono, ele dizia que custaria 8 ryus cada junta, Hayate pagava com 25 Ryous e voltava para a oficina com as peças. Colocava no chão junto de tudo e aproveitava para limpar a Blade, além de usar uma lixa para reparar alguns arranhões e passava um produto que havia achado para lubrificar as partes da marionete e outro para cobrir rachaduras. Não sabia se podia usar aquilo, mas usava mesmo assim, ninguém estava vendo e não precisava de quase nada, era realmente pouco. Ele montava a marionete com uma boa agilidade, estava familiarizado com os circuitos e todas as peças dela, por isso não perdia muito tempo, mas era cauteloso.

Quando terminava finalmente de consertar e limpar todas, ele saía um pouco cansado e sentia seu estômago roncar violentamente quando finalmente parava para pensar nisso, ele saía de lá e via o dono da loja sentado perto da porta, Hayate sorria e ia até ele.

-Acho que acabei...-
-Demorou não é mesmo? Não vai comer nada? Já passou da hora do almoço-
-O.O já? Não tinha percebido, só agora senti a fome, bem... muito obrigado, o senhor não sabe o quanto me ajudou, quando precisar de alguma coisa na loja, é só me dizer que terei o prazer em lhe ajudar-
-Está bem, pensarei em algo e te chamarei- Ele falava sorrindo divertido.
-Hehe, só não abuse não é?- Abria um sorriso de agradecimento.

Hayate voltava na oficina, limpando o que havia usado e guardando tudo no mesmo lugar, fazia um selo e então as marionetes desapareciam, ele respirava fundo e saía dali se despedindo, precisava urgentemente comer algo.


Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Seg Jun 18, 2012 3:25 pm

Técnicas novas

Hayate havia passado no Ichiraku e comido um Ramém de Porco (JÁ TIREI OS RYOUS DA FICHA) e descansado um pouco depois do intenso conserto das marionetes, já estava chegando o meio da tarde quando ele decidiu treinar um pouco, a noite iria andar um pouco e ver o que conseguia, mas só a noite.
Ele partia para seu campo de treino que muito não ia, chegava lá, na enorme clareira bem no meio da floresta, observava o local e então ia para o meio dali, estava com suas armas na bolsa e o pergaminho de sempre nas costas. Parava no meio do lugar, olhando para o céu e respirava fundo.

-Vamos tentar, não deve ser tão diferente do Iwagakure...-

Ele fazia alguns selos se concentrando bastante, até uma pouco mais que o normal, mas precisava fazer isso para tirar as distrações da sua cabeça, os acontecimentos recentes não o deixavam em paz, tudo estava muito confuso, então ficava um longo minuto controlando a respiração e o chakra, assim como fazia no Iwagakure, concentrava o chakra primeiro na parte que inicialmente entraria em contato com onde quisesse ir, no caso agora, a terra.
O seu chakra doton corria pelas suas pernas e seus pés, ele deixava fluir pelo chão numa área que envolvesse todo o seu corpo, e então moldava a terra abaixo dele se puxando para baixo, aos poucos a estrutura e a densidade começava a mudar, assim como ele fazia com as pedras quando utilizava o outro jutsu, porém quando seu pé afundava por completo, ele ficava preso.

-Kuso-
“Não é tão parecido assim, mas a ideia parece ser a mesma, a única coisa que muda é a estrutura de uma pedra com a da terra, ela parece mais... irregular”

Hayate ainda com os pés afundados, começava novamente a concentrar a técnica, percebia a densidade mudando e as irregularidades do solo comparado com a rocha, isso dava para ele uma ideia melhor do que tinha de fazer, quando finalmente achava que estava pronto, começava a deixar seu corpo descer na terra, como se fosse virando água aos poucos o que estava abaixo dele.
Chegava até um pouco depois da cintura, permanecia concentrado, porém não queria que caso algo desse errado, ficasse preso dentro da terra, então dali mesmo, começava a expelir o seu chakra para frente, a terra ficava do mesmo jeito que em volta dele e então dava o primeiro passo, e começava a seguir, porém lentamente. Repetia isso por alguns minutos e saía da terra parando um pouco e sentando no chão.

“Como que aquele garoto deve estar?”

O Akasuna se livrava dos pensamentos e então decidia voltar ao treino, se colocava de pé e executava os selos moldando o chakra e aos poucos afundando o corpo na terra, dessa vez ele ia todo, ficando completamente abaixo da terra, começava a se movimentar como se estivesse nadando, mas com muito mais dificuldade do que como normalmente se movimentaria dentro ou fora da água, o que era comum, se fosse em uma rocha apenas, teria atravessado uma montanha nesse momento.
“Aos poucos, vamos lá, tenho mais 5 metros pela frente...”

Ele tinha decidido andar 10 metros de cada vez, sair e voltar a fazer isso, para assim não só se acostumar a movimentar-se por dentro da terra, mas também na entrada e saída da técnica. Hayate decidia parar apenas quando sentia seu corpo bastante cansado, não queria perder todo o chakra, tinha que nessa situação atual, estar sempre preparado para uma emergência, então guardava uma quantidade razoável.
Ao sair da terra, ele já estava do outro lado da clareira, ele saía da terra lentamente, dando uma boa olhada em volta apenas com a cabeça, antes de sair completamente, quando via tudo limpo, se erguia completamente e relaxava o corpo, aquilo não era nada difícil para ele, nada que mais um pouco de treino não resolvesse, só teve de lembrar de como fazia nas outras técnicas para que entendesse bem os movimentos e o chakra doton usado.

“Acho que já está na hora de ir, está escurecendo e tenho algumas coisas para fazer ainda.”

Hayate ia embora depois de passar perto do laguinho que havia ali perto e beber um pouco d’água, ia na direção da vila sempre com muita cautela.


Citação :
Tentativa de aprendizado do jutsu:
Doton - Dochuu Eigyo no Jutsu (Libertação da Terra - Técnica do Peixe Subterrâneo)
Rank: C
Descrição: O ninja entra embaixo da terra, subindo sempre que quiser. O chakra do ninja muda a densidade da terra, fazendo-a parecer água, devido a facilidade com a qual se movimenta.
[A porcentagem é equivalente a velocidade que o usuário poderá usar como se estivesse nadando, ou seja, tendo 50% do jutsu treinado, usará 50% de sua velocidade nos movimentos.]

Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Ter Jun 19, 2012 6:37 pm

Visão diferente

Hayate acordava bem cedo, os recentes problemas não o deixavam dormir muito bem, ele se levantava da cama e se espreguiçava, levantava devagar e ia se arrumar, aproveitava para comer algumas frutas e pegava suas coisas. Saía de casa um pouco cauteloso e ia andando tranquilamente pela vila vendo o leve movimento da manhã.

Um certo tempo depois passava pelas últimas árvores no caminho para finalmente chegar ao seu campo, apreciava o sol fraco que ia se erguendo no céu aos poucos enquanto andava até perto do meio da clareira. Ao chegar colocava seu pergaminho no chão junto de suas coisas, pegava o pergaminho do seu colete jounnin e o abria, então fazia um selo e invocava a sua marionete Blade. Ele sorria lembrando que aquilo havia sido um presente do seu antigo sensei e amigo Aburame. Colocava o pergaminho de volta no colete, seus dedos brilhavam um intenso azul de chakra e a Blade parecia ganhar vida, era seu Kugutsu. Hayate afastava a Blade uns dois metros, colocava ela virada de costas pra ele e fechava seus olhos, ele formava o selo do dragão apenas com uma das mãos ficando na altura de seus olhos, concentrava seu chakra e o transmitia para um ponto específico, os olhos de cristais da sua marionete especial.

-Kugutsu Ninpou – Miru!- Falava em um tom baixo, mas firme.

Ele então ao dizer aquilo executava a técnica liberando o chakra concentrado e o fazendo fluir. Quem olhasse veria o Akasuna completamente imóvel, formando um selo com a mão esquerda e o brilho leve azul na ponta dos dedos da mão direita.
Passava alguns segundos assim se controlando, afinal era apenas a segunda vez que realizava a técnica, então movia muito suavemente o dedo da mão direita, a marionete dava um leve movimento e então Hayate abria os seus “olhos”, mas quem o olhasse veria que ainda estavam fechados, porém ele conseguia enxergar algo, meio embaçado, mas enxergava, porém não via nada em sua frente.

O Akasuna movia mais os dedos, dessa vez fazendo com que a Blade desse uma volta lenta, ficando de frente para ele. E lá estava. Hayate conseguia ver a si mesmo, de pé, com os olhos fechados e o selo formado, ele achava aquilo um tanto quanto confuso e estranho, mas se mantinha concentrado, movimentava seus dedos fazendo a marionete se virar um pouco e conseguia ver seus próprios movimentos, mas ainda assim... Tudo embaçado.

Para melhorar ele teria que acostumar com aquela forma de visão, então começaria a treinar, tentava forçar a própria vista para enxergar bem, mas pouca coisa mudava, então continuava movimentando a marionete durante um bom tempo, como se estivesse caminhando pela clareira. A visão começava melhorar um pouco com o tempo, ele conseguia ver, mesmo que tudo embaçado, as formas das coisas e perceber pequenos movimentos.
Hayate então decidia parar por ali quando se sentia cansado, logo voltaria a treinar aquilo, poderia ser útil no futuro. Ele fechava os olhos e os apertava enquanto parava o fluxo de chakra e abria os olhos novamente, dessa vez vendo na sua frente a Blade.

-Isso foi... diferente haha-

Ele soltava a Blade e a desinvocava, logo sentia um pouco de dor nos olhos, havia forçado um pouco demais sua visão com aquela forma embaçada, ele então se deitava ao lado das coisas, apenas prestando atenção com a audição nos movimentos em volta e relaxava a vista por uns longos minutos.

“Bem, acho que está bom, vamos voltar para a vila, não gosto de ficar muito tempo fora dela...”

Ele se levantava juntando e guardando suas coisas e partindo andando pela vila por entre as árvores.


Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dérik Kaguya
Chunnin
Chunnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 250

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Qua Jun 20, 2012 12:44 am

Analise:
É bom lhe ver treinando novamente Hay xD
bem não tenho muito muito a comentar sobre os treino, tudo tranquilo sobre eles...
Uh... acho que sei em qual garoto o Hayate estava se perguntando em como estaria agora em ^^


Recompensa:
+ 7 Mecânica de Marionetes +30% Doton - Dochuu Eigyo no Jutsu + 5 C.C + 20% Kugutsu Ninpou - Miru
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Sex Set 07, 2012 2:01 pm

Preparação

Hayate chegava ao campo de treino logo quando o sol começava a abaixar no céu, deveriam ser umas 14 horas. Ele levava todos seus equipamentos, ainda não havia pensado no que treinar direito, mas queria tentar umas coisas.
Chegando ao campo, ele ia até perto de uma das árvores que havia em volta da clareira, retirava seus pergaminhos, o colete Jounnin, e todos os outros equipamentos, ele queria se sentir leve. Caminhava até o centro da clareira e olhava o céu, ficava pensando.

Flashback

Hayate voltava ao passado, estava tudo meio cortado e embaçado, mas em sua mente voltava à época em que aprendeu seu único Taijutsu, lembrava-se de Uchiha Adrian com quem aprendeu junto à técnica, depois ia mais pra frente, treinando sozinho em seu campo com as marionetes e um toco e então uma caverna estranha – sua cabeça começava a doer – um saguão enorme feito de pedra e um homem robusto que ria parecendo debochar de Hayate. Então voltava ao presente, sua cabeça doía MUITO. Ele tentava se agarrar em algo e então caía no chão por alguns segundos

Decisão do Treino, ignorando lembranças

Hayate acordava sem entender muito bem o que houve e o que havia sido aquelas lembranças, mas então se lembrava do taijutsu, decidia treiná-lo um pouco.
-Droga... Vamos treinar pra ver se isso passa... Uchiha Adrian quero vê-lo novamente... -
O Akasuna balançava a cabeça e olhava o céu novamente, não havia passado muito tempo já que a posição do sol era a mesma praticamente. Ele fazia um selo e então utilizava o Tsuchi Bunshin, criando um clone da terra.

-Bem, só fique aí...-

Hayate se afastava do clone que ficava parado no local. Ele então pegava uma shuriken sua e lançava no clone, ele, porém desviava facilmente, mas a shuriken não precisava acertar. Hayate usava o shunshin no jutsu aparecendo abaixado bem na frente do clone, dando um chute para cima e acertava em cheio o clone. Então saltava ainda no shunshin e aparecia logo abaixo do clone desferindo mais 3 chutes para cima e no 4º, girava o corpo e lançava o clone para baixo com toda a força, ele caía e se despedaçava em pedaços de terra quando atingia o chão. Hayate caía logo atrás de pé.

Outro combo, taijutsu com marionetes

Hayate ia até suas coisas e pegava seu pergaminho e dele invocava duas marionetes. A primeira era a Sanshouou e a segunda era a Blade. Dessa vez fazia outro clone, mas colocava um pouco mais de chakra para deixa-lo reforçado. Se afastava e ficava por cima da Sanshouou e com a Blade ao lado.
Começava o ataque lançando a Blade por cima fazendo um X com duas de suas espadas, o TB (Tsuchi Bunshin), saltava para o lado e nesse momento era onde Hayate estava aparecendo com o Shunshin na frente logo abaixo dele e o lançando para o alto, saltava desferindo 4 chutes lançando o TB mais para o alto, e então quando estava caindo, lançava a Blade para o alto, ela atingia o TB com suas espadas e desferia 8 golpes antes do corpo começar a cair, nesse momento, Hayate já estava por cima da Sanshouou, apoiado de pé no escudo dela. A Blade então finalizava batendo com o cabo das espadas nas costas do TB e o lançava para baixo, Hayate calculava o tempo e então ao mesmo tempo em que puxava a Blade para trás de si, lançava uma rajada flamejante da boca da Sanshouou que formava uma enorme bola de fogo bem onde o TB caía. Hayate parava e olhava para a porção de terra bem seca que tinha ficado no chão.

Descanso

Hayate se aproximava de onde o clone tinha se desfeito e passou a mão por cima sentindo o forte calor no local.
-Está ficando bom.-

Hayate se sentia um pouco cansado, afinal havia invocado suas marionetes, criado dois clones, sendo um mais reforçado e além dos movimentos, estava usando o Kugutsu no Jutsu.
O Titeriteiro respirava fundo e desfazia a invocação das marionetes. Ia até suas coisas e as pegava andando até algum local próximo com água, depois de beber um pouco iria até uma árvore alta e esperaria o pôr do sol para então voltar para casa.


Citação :
Treinamento mais do Taijutsu
Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Aburame Rukisu [ADM]
ANBU
ANBU
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 210

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Dom Set 09, 2012 11:43 pm

Vou te dar o máximo que poderia receber no Taijutsu pra tu não precisar treinar ele novamente. O normal seria dividir a % dele com pontos em controle de chakra e habilidade.

+40% em Konoha Dai Shoufuu.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Sab Set 29, 2012 10:44 pm

Novas Armas

Hayate saía da loja de armas e ia direto até seu campo de treino, no caminho, ficava pensando na melhor forma de carregar suas novas aquisições. Quando chegava ao campo, ele não tirava seu equipamento, ele colocava a bainha da katana presa nas costas na vertical, de forma que ele pudesse puxá-la por cima e a Wakizashi ele colocava na horizontal, um pouco abaixo do pergaminho grande que carregava nas costas, verificava se estavam bem presos e então retirava as duas, uma de cada vez no início, ele não tinha muita prática, mas as posições pareciam corretas, conseguia com facilidade tirá-las das bainhas e então colocar novamente, fez isso diversas vezes até ficar seguro e então começou a fazer isso com as duas ao mesmo tempo, quando viu que estava bem com o peso e tudo mais. Dava algumas voltas pelo campo para aquecer.

Ele parava respirando fundo.

-Muito bem, vamos lá-

Treinamento concentrado

Ele tirava o pergaminho das costas como sempre fazia, ele percebia que realmente as bainhas estavam nos locais certos, o pergaminho saiu com a mesma facilidade de sempre, ele o abria e então fazia o selo de invocação, fazendo a Karasu aparecer bem na sua frente, ele girava o pergaminho de modo que se fechasse e o deixava no chão mesmo. Controlava a Karasu usando o kugutsu e a fazia se afastar, ele fazia alguns selos de mão e então dois clones surgiam da terra, um de cada lado.

-Pois bem, vamos treinar aquela técnica com a Karasu-

Os clones pareciam entender e então eles corriam um por cada lado da marionete. Hayate fazia mais alguns selos e movimentava suavemente suas mãos, a Karasu começava abrindo seus compartimentos. Os clones chegavam bem perto e preparavam um soco, um mais abaixo do que o outro. Uma corrente fortíssima percorria toda a marionete e então era expelida, essa onde de ar saiu por todas as partes da marionete e além de parar os ataques dos clones, fez com que fossem jogados um pouco para trás.
Hayate parecia um pouco satisfeito, a técnica havia sido feita rápido. Os clones se levantavam do chão e então corriam novamente, dessa vez um foi com uma voadora na altura do ombro da Karasu e o outro tentou um soco no tronco. Mas lá estava a técnica novamente, dessa vez com direito a um giro. Ela girando, faz um efeito de desvio com o ar, ele se expande jogando para trás e para os lados o que tiver pelo caminho, e foi isso que ocorreu, o clone do soco era jogado para trás e a voadora desviada para a esquerda deixando o clone girando até atingir o chão.

Os dois clones ainda conseguiam se levantar e era o que faziam. Dessa vez, partiram com tudo para cima, Hayate ficava feliz, era justamente o que ele queria. A Karasu girava novamente quando os clones estavam bem próximos, a corrente de ar era tão forte, que lançou os dois clones girando um para cada lado, um deles caiu de cabeça e se desfez em um montinho grande de terra. O clone restante já se levantava correndo na direção da marionete que apenas emanava uma grande quantidade de ar para fora, fazendo o clone bater de frente com uma verdadeira parede de ar e então ser lançado para trás, se desfazendo ao tocar no chão.

O Jounnin parava observando sua marionete e o jeito engraçado que ela ficava após o jutsu, ele movia os dedos a fazendo voltar ao normal. E então a puxava, dessa vez ia até dentro da floresta, encontrava um ponto perto das árvores altas e ficava esperando, os segundos pareciam passar lentamente até que finalmente a folha que Hayate queria caiu, ele lançou a marionete para o alto se preparando para o jutsu e então ela girava no momento em que a folha atingia o campo da técnica.
Ele queria com isso saber quanto tempo conseguia manter o jutsu. Algumas folhas que caíam atrás da primeira, se juntavam no redemoinho de folhas que estava se formando, passaram poucos segundos até Hayate perceber que não podia manter a técnica. Ele respirava fundo.

“Bem, isso pode ser um problema para as outras, talvez com ela eu consiga um tempo a mais...”

Ele ficava um tempo pensativo e voltava para o campo aberto. Fazia novamente os selos de antes e fazia surgir do chão mais dois clones de terra. Ele dava as instruções para os clones e então se preparava. Um dos clones atacou primeiro e chegando bem perto com seu chute, a marionete girava majestosamente bloqueando o ataque e lançando o clone para longe. Quando a marionete parava o giro, o outro clone começava a corrida para atacar, Hayate fazia a marionete girar novamente, mas quando o clone estava quase acertando a Karasu, o Akasuna puxou ela um pouco para trás desviando do ataque, o clone já emendava outro chute, mas dessa vez, o giro surtiu efeito, o ar expeliu o clone para longe com uma força assustadora.

“ Ufa, foi por pouco, preciso otimizar esse maldito tempo”

Projetos

Sua respiração estava ofegante, tinha usado mais da metade do chakra e estava cansado. Os clones haviam se desfeito e a marionete estava parada como se estivesse sentada no chão. O jovem Akasuna se sentava e recuperava o fôlego.
Quando um pouco recuperado, se levantava colocando o pergaminho no lugar, mas só após selar a Karasu de volta.
Chegando em casa, pegava papel e tinta, começava a fazer uns desenhos estranhos e uma lista, usava vários pedaços de pergaminho para fazer diversos desenhos.

“É, eu realmente não esqueci”

Ele juntava os papéis, olhava para a hora, tinha ficado muito tempo ali desenhando, estava com fome e cansado de ficar sentado. Levantava-se e saía com roupas normais até o Ichiraku, onde pedia uma refeição completa. Gastava bastante tempo comendo e bebendo, enquanto isso parecia bastante pensativo. Até que ele pegava um guardanapo e escrevia:

“Hiruko”

Guardava o guardanapo no bolso e após guardar sua apetitosa refeição, se levantava e voltava para casa.


Citação :
Total = 127 Chakra
Gasto = 88 Chakra ( -5 -3 -5 -5 -10 -10 -10 -10 -5 -5 -10 -10 )
Restante = 39 Chakra
(Contei como gasto comum o jutsu treinado)
Spoiler:
 

Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Harumi
Gennin Especial
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 100

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Dom Set 30, 2012 11:28 pm

Avaliação
Nada a comentar. ^^'
Recompensa
35% do Kaze no Tate
+ 2 em Habilidade
+ 1 em Controle de Chakra
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Sab Out 06, 2012 6:58 pm

A manhã estava com um tempo fechado, Hayate parecia ter acordado contra a vontade, talvez o pássaro que decidiu fazer ninho na sua janela o tivesse acordado. Sua expressão era indecifrável, ele respirava fundo e então se levantava da cama, estava se segurando para não acabar fritando um passarinho para o almoço. Sua mente estava um pouco perturbada nos últimos dias, talvez sua tentativa de encontrar algo não estivesse dando certo.

“ Em breve terei que sair para procura-la, será que o Ken irá permitir? Difícil saber.”

O Akasuna saía de casa sem levar nenhum equipamento em especial, usava suas roupas comuns, calça cinza, sandálias ninjas pretas, uma camisa azul marinho e a bandana no braço, levava consigo o porta kunais e sua bolsa de armas. Ele ainda não havia decidido o que fazer naquele dia, mas ia até a biblioteca da vila enquanto passeava pela vila. Ele andava tranquilamente, mas com passos rápidos, ele parava quase chegando ao centro, estava bem cheio, era um dia de promoções, parecia que toda a vila havia decidido comprar por ali. Pela sua cabeça passavam os caminhos alternativos da vila, também que ele poderia simplesmente ir por cima dos telhados, mas uma ideia em especial passou pela sua cabeça.

“ Porque não? ”

Hayate sem mudar sua expressão, retirava as mãos dos bolsos e simplesmente se jogava correndo no meio da multidão. Não era algo fácil, mas ele corria desviando das pessoas no caminho, serviria para aumentar seus reflexos e diminuir seu tempo de reação, Seus pés brilhavam com um fraco azul que servia como um freio; volta e meia ele era necessário quando simplesmente as pessoas não eram rápidas o suficiente para abrir um pequeno caminho, ele então parava derrapando fortemente, mas então girava os pés, se posicionando para o lado e voltava a correr, não era ainda perfeito, várias vezes, esbarrava ombro a ombro com outra pessoa, mas nunca parava, apenas as vezes que batia em alguém que carregava algo, onde ele parava apressado e pegava as coisas do chão devolvendo e pedindo desculpa. Ele ia costurando a rua central da vila, indo em todas as direções tentando achar uma passagem para continuar prosseguindo. Ele não sabia exatamente porque estava fazendo aquela coisa estranha, mas na hora havia sido uma boa oportunidade de treinar. Quando estava quase passando por todos, ele entrava em um beco, que estava repleto de caixas e duas pessoas passando pelo único caminho estreito que havia. Ele sem parar ia na direção da parede, aproveitando o chakra concentrado nos pés para utilizar o Kinobiri, o fazendo passar correndo pela parede por cima das caixas e então voltar para a rua, que dessa vez não estava tão movimentada, então não era um desafio para ele passar sem problemas por ali.

“Será que...”

Hayate parava na porta do prédio do Hokage e olhava para lá.

“Não, muito cedo ainda...”

Ele olhava novamente para frente e corria novamente até finalmente chegar em frente a biblioteca.

>>>>>

Passavam-se horas, o estômago de Hayate roncava com a fome. Ele não sabia exatamente o tempo que ficou na biblioteca, mas parecia que sua busca havia sido em vão.

“ Kuso, terei que realmente falar com ele, não tenho escolha, se quiser continuar com os projetos, isso será necessário... “

Ele então decidia ir correndo, havia gostado de passar pelas pessoas no meio da rua sem que elas ao menos percebessem que era ele pela velocidade. Fazia o mesmo caminho, dessa vez usando só o centro, era horário de almoço pelo visto, os tipos de pessoas haviam mudado, mas ele não iria ficar reparando nisso, aquilo que fazia era fácil, ainda mais conseguindo se concentrar em mais de um ponto ao mesmo tempo, fazia com que seus movimentos fossem mais elaborados, sempre calculando um passo a frente. Durante o caminho então, um cheiro fazia seu estômago roncar ferozmente, o fazendo quase bater em um poste, ele parava segurando com a mão esquerda no posto e então olhava para onde vinha o cheiro.

“ Ichiraku... Tinha que ser mesmo... Acho que não faz mal...”

Ele então olhava em volta, colocava as mãos nos bolsos e iria comer seu Ramem de Porco. Aproveitava o momento da refeição calmamente, estava um pouco suado, o tempo estava abafado e correr daquele jeito cansava mais do que normalmente, além do calor que sentia.

Após isso tudo, ele decidia voltar caminhando para casa, não faria bem para ele correr após comer tanto.


Citação :
dinheiro do Ramem retirado da ficha já
Voltar ao Topo Ir em baixo
Dérik Kaguya
Chunnin
Chunnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 250

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Sab Out 13, 2012 9:49 pm

Avaliação:
Sinto penas as pessoas que você estaria derrubando no começo.
Também é bom mesmo não correr de barriga cheia ^^
Recompensa:
+ 2 em Habilidade + 1 em Controle de Chakra +4 Velocidade
Voltar ao Topo Ir em baixo
Akasuna no Hayate
Jounnin
Jounnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 170

MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   Qua Out 24, 2012 5:56 pm

A tarde era quente, o sol estava forte e todos corriam nas ruas para andar nas partes onde havia alguma sombra, Hayate saía de casa após o almoço, esperava até o sol começar a descer, não queria sofrer insolação durante um treino apenas. Ele colocava todos os seus equipamentos e armas e partia por volta das 15 horas para seu campo de treino, durante o caminho, corria para começar a aquecer o corpo, aproveitava e ia fazendo vários ziguezagues aproveitando o máximo de sombra por onde passava. Quando chegava à mata, se sentia melhor; os corredores de vento formado pelas árvores eram realmente refrescantes, além da sombra que as mesmas formavam.
Não demorou muito para que finalmente chegasse ao seu campo de treino. Lá ele deixava apenas seu cantil de água em cima de uma pedra e voltava para o campo aberto. Seu olhar era sério, ele estava realmente concentrado, mas o que será que tinha em mente? Ele respirava fundo e então fazia o selo do Boi. De cada lado dele, dois montes de terra iam se erguendo, ficando cada vez mais altos e ganhando forma rapidamente, em segundos o monte de terra assumia uma forma idêntica à de Hayate.
-Certo, vamos um de cada vez está bem?- Ele falava tranquilamente.
Um dos clones então ia até perto da pedra e se sentava observando enquanto o outro partia e ficava de frente para Hayate, sacando então as duas espadas.
O Akasuna puxava seu pergaminho e o lançava para o lado fazendo um selo com uma das mãos. Do pergaminho, apareciam suas marionetes Sanshouou, Karasu e Kuroari em meio a uma fumaça branca.
Elas rapidamente pareciam ganhar vida com o Kugutsu no Jutsu de Hayate, elas entravam em formação no segundo seguinte. Ele saltava enquanto a Sanshouou entrava abaixo dele, o deixando de pé por cima do escudo. A Karasu ficava em sua esquerda e a Kuroari na direta.
-Podemos começar!- Ele dizia firme, mas seu clone já estava começando.
O clone ficava apenas com a Katana na mão e com a outra sacava duas shurikens que lançava na direção de Hayate. Ele fazia com que a Karasu e Kuroari partissem para cima fazendo ziguezagues, mas deixavam com que as shurikens passassem direto, quando elas passavam, Hayate estava com um dos pés levantados e quando as armas pareciam estar próximas, a Sanshouou girava 360º batendo com o seu rabo nas shurikens as jogando bem longe e Hayate voltando ao normal de pé.
Aproveitava suas habilidades para que seu ataque não parasse. As duas chegavam atacando por cada lado do clone que se defendia usando a Katana e a Wakizashi, a Karasu atacava com a lâmina do pulso e a Kuroari com as serras que possuía por dentro dos braços. Hayate sabia que poderia facilmente quebrar o bloqueio usando os outros braços e armas das marionetes, mas não queria que perdesse a graça, então ele afastava as marionetes, as fazendo girar em volta do clone.
Demorava um pouco para o clone parar com a besteira de seguir as marionetes com os olhos e então decidia correr na direção de Hayate, quando chegava quase na borda do círculo, a Karasu parava, avançando com duas das suas lâminas na direção do clone que para desviar saltava por cima dela, a Kuroari que já estava avançando por trás, saltava também, ela abria seu baú e Hayate fazia com que suas cordas se lançassem contra o clone, enrolando em seus braços e pernas ainda no ar e então voltava puxando o clone para dentro da armadilha. A Kuroari o prendia amarrado dentro do baú, Hayate então abria seus dedos de uma das mãos, então a Karasu se separava, formando 8 partes e então, depois de flutuar alguns segundos por cima da Kuroari, avançavam penetrando nos locais exatos que havia no tronco da Kuroari e fincando as lâminas no clone que estava amarrado lá dentro indefeso.

Hayate abria o baú da Kuroari após juntar a Karasu e retirava o bolo de terra de dentro dela, nesse momento, ele via o movimento de seu outro clone, que havia lançado 3 kunais na direção de Hayate, que desviou por pouco das armas que iam em sua direção, Hayate fez um agradecimento silencioso para sua visão periférica e então olhava para o clone que agora já partia com velocidade para cima dele. As marionetes estavam meio afastadas, mas a Sanshouou ainda estava lá. Quando o clone se aproximou, Hayate girou a Salamandra tentando com o rabo dela, acertar o clone, mas o mesmo saltava desviando, a Sanshouou estava de costas e Hayate para fugir do contato direto, erguia o escudo dela com força, e usando suas pernas flexionadas, pegava o impulso do escudo para se lançar num enorme salto para trás. Quando o clone atingia o ponto onde Hayate estava, o mesmo já estava no ar indo para trás e para o alto.
Dando um giro ainda no ar, ele começava um ataque usando as marionetes, fazia a Sanshouou se balançar e girar para que o clone perdesse equilíbrio ou fosse forçado a sair de cima dela. Ele resistia até a Karasu chegar até ele, que para desviar, usava o balanço da marionete para dar um giro, como se fosse uma estrelinha sem usar as mãos, para o lado e fazer a marionete atacante passar direto. Ele corria para longe, entrando no meio das árvores.

“ Fala sério...”

Hayate ficava imóvel, voltava para a posição inicial e aguardava, o clone saía de surpresa por um dos lados e aparecia sorrateiramente ao lado de Hayate, quando esse percebeu, era atingido no tronco por um chute, mas então uma fumaça aparecia, a Kuroari aparecia no local e Hayate desfazia seu henge, O clone tentava se afastar, mas os braços da Kuroari já o circulavam e então se fechavam, o clone então ia se desfazendo até virar um monte de terra, a única imagem que sobrava da Kuroari era seus braços cobertos de poeira enquanto as serras de seus braços paravam de se mover.
O Akasuna sorria parecendo satisfeito, ele parava as marionetes em um canto e bebia um pouco de sua água. Voltava para o campo aberto após deixar seu pergaminho grande e suas marionetes na sombra de uma árvore junto com a água.

Hayate se posicionava e então novamente fazia dois clones da terra.
-Desculpe ficar usando vocês assim para treinar, mas é o melhor jeito. -
Hayate sacava suas duas espadas e se posicionava. Os clones sem reclamar se afastavam também pegando suas espadas. Eles formavam um V com Hayate na ponta de baixo. Na cabeça dele veio uma frase de seu amigo ferreiro quando havia comprado as duas espadas.

-Cuidado com isso, é extremamente difícil para um ninja lutar usando duas espadas ao mesmo tempo quando o inimigo é múltiplo. Normalmente não dá para se concentrar em dois pontos ao mesmo tempo-
Hayate apenas sorriu e saiu de lá.

“ Mas nem todos possui o nosso dom. ”
Os clones partiam para o ataque, ele não poderia bloquear simplesmente nenhum dos golpes, já que eles também usavam duas espadas, precisaria rebater os ataques para que não ficasse com a guarda aberta. Não era algo muito difícil, já que seus clones perdiam força e tudo mais comparado a ele. Mas ele recuava com os ataques, passos e mais passos para trás, volta e meia os clones tentavam flanqueá-lo, mas Hayate se posicionava bem e evitava que isso ocorresse. 4 espadas contra 2, Hayate estava no máximo da sua concentração, ele volta e meia era atingido de raspão, mas apenas um desses fez um corte pequeno em seu abdômen, enquanto os outros apenas cortavam um pouco de sua roupa ou passava direto. Quando cansou de se defender, desviou um ataque que vinha pela direita pelo meio para o lado e desviava outro que vinha por cima na esquerda, ele esperava até o clone que estava na sua direita atacar com o braço direito e o que estava na esquerda atacar com o braço esquerdo, esperava que o ataque deles viesse ao mesmo tempo, enquanto isso apenas se defendia.
Quando finalmente a oportunidade aparecia, ele desviava os ataques jogando as espadas deles para os lados de fora, sendo assim, os clones não teriam como bloquear usando a outra espada já que não teriam tempo de girar ou de levar a espada até o lado exposto do corpo, Hayate então ao desviar os ataques, avançava contra eles, o clone da direita, era acertado no peito pela Wakizashi e o clone da esquerda, era acertado com um corte na lateral por baixo do braço na altura do peito pela Katana.
O clone da direita logo se desfazia na terra, o outro dava alguns passos e olhava para Hayate que também virava para trás. O clone erguia o braço cortado para mais um ataque, mas vacilava parecendo sentir dor enquanto o corpo saía um pouco de terra, Hayate aproveitava o momento e avançava com uma estocada bem no peito de seu último clone.
-Game Over. -
Hayate ficava por fim, sozinho, enquanto a poeira subia um pouco aos seus pés.

Ele parava e decidia encerrar por ali, não queria se estender muito já que precisava se manter com forças em caso de emergências. Ele recolhia suas coisas após secar seu cantil de água. Para só então, ir embora.


Citação :
Tsuchi Bunshin no Jutsu 100%
Selos: Boi.
Rank : C
Descrição: O ninja cria um clone feito de terra, que pode se locomover embaixo da terra e usar um jutsu, mostram ser mais resistentes que os bunshins normais.
[Até o 50% o clone pode se mover sob a terra. Quando no 100% poder usar uma técnica Doton porém se desfazendo logo em seguida. Este jutsu gasta chakra como um rank B]

Kuchiyose - Kugutsu (Invocação - Marionetes) 100%
Rank: C
Descrição: Utilizando pergaminhos, o ninja é capaz de invocar suas marionetes onde quer que elas estejam.
[O ninja é capaz de invocar no máximo 10 marionetes ao mesmo tempo, sendo 2 a cada 20%]

Kugutsu no Jutsu (Técnica da Marionete) 100%
Quem usa: Kankurou, Sasori, Chiyo e Touji Mizuki
Rank: D
Descrição: Usando o chakra do corpo, o manipulador emite linhas de seu dedo que ele usa para controlar as marionetes. Diz-se que o melhor manipulador é aquele que usa mais marionetes ao mesmo tempo com o menor número de dedos em cada um

Kawarimi no Jutsu (Técnica de Substituição)
Quem usa: Técnica ninja básica, quase todos os shinobis usam
Rank: E
Selos: bode, javali, Boi, Cachorro, Cobra
Descrição: Quando em perigo, o ninja põe algo no lugar dele, não se machucando. Normalmente se põe madeira com Henge no Jutsu transformado no ninja, ou qualquer outra coisa

Henge no Jutsu (Técnica de Transformação)
Quem usa: Ninjutsu básico, quase todos os ninjas usam
Rank: E
Selos: bode
Descrição: Um ninja a usa para virar outra coisa copiando perfeitamente a aparência, se escondendo, enganando os outros, mas se o usuário for atingido, o jutsu será desfeito.


Habilidades passivas:

•Marionetes - 100%
•Katana - 10%
•Wakizashi - 10%

Nível 12 – Atenção multifocal: tendo prática no combate com várias marionetes ao mesmo tempo, o shinobi deve nesse ponto desenvolver atenção multifocal, o
que o permite se concentrar melhor nos movimentos que acontecem em lugares diferentes com mais facilidade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Campo de Treino - Hayate Akasuna   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Campo de Treino - Hayate Akasuna
Voltar ao Topo 
Página 2 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3  Seguinte
 Tópicos similares
-
» [Treino IV] - Construção do Campo de Treino [Parte II] por Ran Asakawa
» [Campo de Treinamento] Kin Senju
» [Campo de Treino] - Uchiha Obito
» [Campo de Treino] - Ezio
» [Treino IV] - Construção do Campo de Treino [Final] por Ran Asakawa

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Revo Online :: Vila da Folha :: RPG Zone :: Campos de Treino :: Individual-
Ir para: