Naruto Revo Online


 
PortalInícioRegistrar-seConectar-se
Hey... quanto tempo faz que seu personagem não come? Evite as penalidades por desnutrição... visite o Ichiraku com frequência, lá seu personagem pode se recuperar em instantes !
Sempre lembre de remover itens descartáveis de suas fichas quando os mesmos forem usados. Seja honesto consigo mesmo.

Compartilhe | 
 

 Missão Rank D - Otton Touya

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Dérik Kaguya
Chunnin
Chunnin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 250

MensagemAssunto: Missão Rank D - Otton Touya    Qui Jun 21, 2012 11:25 pm

Extermínio de Insetos
Descrição: Uma casa grande está sofrendo com insetos do tipo de baratas, cupins e traças. Então você foi chamado para então fazer o seguinte serviço que será eliminar tais insetos da casa, garantindo a segurança dos moradores.

Numero mínimo de palavras: 300
Voltar ao Topo Ir em baixo
Rangimaru
Gennin
Gennin
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 91

MensagemAssunto: Re: Missão Rank D - Otton Touya    Qui Jun 21, 2012 11:55 pm

Baygon Musical

Mais uma manhã calma na vida da dupla de gennins, acordaram fizeram uma lutinha meio brincadeira meio de verdade ainda cedo no quarto para decidir quem ia tomar banho primeiro, Rangimaru acabou vencendo, no café da manhã conversaram com seu pai sobre mais uma missão e outro número foi dado a dupla 98-D, junto desse número um pergaminho foi lhes entregue uma partitura com base em "Sol", junto dela um aviso "Não toquem essa música com civis por perto, pode causar efeitos colaterais em mentes e ouvidos destreinados", fora isso nada de anormal aconteceu naquele café, os dois partiram rumo ao prédio do Hokage Senju Ken, no caminho como de costume, pequenas aglomerações de meninas de todas as idades os seguiam devido as músicas tocadas por eles, Batto como sempre preguiçoso preferia ficar na cabeça de Touya ao invés de ir voando ao lado da dupla, alguns poucos minutos de caminhada e lá estavam eles, no prédio do Hokage, o zum-zum-zum de outrora não acontecia mais, depois de um hokage ser nomeado oficialmente as coisas ali dentro estavam se ajeitando, lentamente mas se ajeitando, caminharam até a fileira D e foram se aprofundando até chegar no pergaminho de número 98, Touya o pegou e passou na mesa de quem estivesse por lá para avisar que havia pego a missão, alguns passos depois de sair do prédio abriu o pergaminho e o leu em voz alta para Rangimaru escutar, ao falar em insetos Batto logo se animou prevendo o sabor de seu almoço, ainda não haviam tentado tocar a música recebida por seu pai, achar a casa não foi dificil, nem convencer os moradores a sair, era uma pequena família composta por 2 adultos, uma idosa, 2 crianças e um cachorro muito do brincalhão.

Touya explicou a situação e disse que seria necessário que eles se afastassem até o final da "dedetização" musical, os dois entraram na casa e passaram os primeiros e longos minutos reconhecendo o território, a hora seguinte passaram checando quais pedaços de madeiras estavam contaminados e os levavam até a parte detrás do quintal, com chão de terra batida sem grama nem nada, decidiram começar pelos cupins pois pensaram ser os mais fáceis, a dona da casa disse ter querosene no armário, era a embalagem com uma caveira vermelha, não foi dificil achar, a senhora ainda disse que cerca de 10 minutos depois de jogar na madeira os cupins começam a sair voando dali, eles fizeram como o recomendado, tamparam o nariz enquanto tacavam o liquido em cima das gavetas, pedaços de armario, estantes, enfim, tudo que haviam localizado estar contaminado, prestaram bastante atenção no piso próximo aos locais contaminados pois acumulação de pó indicava cupins, era o que estava escrito em um antigo livro da grande biblioteca do qual só leram algumas partes aleatórias, tacaram a querosene e alguns minutos depois podiam ver alguns cupins levantando voo dali em direção a uma arvore que existia no jardim, Batto logo que viu os bichos partiu igual um doido esfomeado da cabeça de Touya e abocanhou vários dos cupins de uma só vez, Touya e Rangimaru estavam começando a tocar a melodia recebida por seu pai, imprimindo quantidades variadas de chakra, até achar a mais adequada para aquele tipo de inseto, perceberam que com o passar da melodia os insetos iam caindo no chão e ficavam se remoendo como se estivessem agonizando de dor, Batto com sua fome insaciavel e Touya com sua sandália de madeira foram os aniquiladores daqueles pobres cupins, gastaram um tempo razoável nessa tarefa, a espécie seguinte eram as baratas, aqueles cupins bêbados não tiveram chances e foram esmagadoramente vencidos, agora cabia a eles a missão de acabar com esses seres capazes de sobreviver até a um acidente nuclear, mas seriam capazes de aguentar o Merodipiasu?

Essa era a pergunta que eles trataram de responder com um teste pratico, dividiram o restante da casa por cômodos, enquanto tocavam a melodia com alguma dificuldade em acertar e memorizar as notas, ao erro deveriam voltar ao inicio da canção para que o jutsu tivesse o efeito desejado, uma nova linha de chakra teve que ser achada e especificada para as malditas baratas, existiam em quase toda a cozinha e banheiros, matar todas elas era uma tarefa dificil, esses bichos espertos voavam de um local para o outro com grande facilidade, Batto voava logo atrás devorando o que estivesse no seu caminho, o relógio marcava três horas de trabalho árduo e semi-inútil no extermínio a essas pragas, percebendo que seria uma missão impossivel cuidar disso sozinhos, Touya e Rangimaru puseram os corpos a andar pela vila, enquanto isso Batto ficando na casa fazendo a caça por conta própria, andando pela vila se depararam com a seguinte inscrição numa casa "Mato tudo, até kikai de Aburame" decidiram entrar, era uma pequena casa com um senhor simpático no balcão, já deveria ter uns 38 anos, conversando com senhor descobriram que o melhor de jeito de acabar com as pragas seria aplicando K-otrine dissolvido em água nos cantos, ralos e nos locais de infestação, descobriram também que se adicionassem uma outra erva seriam capazes de manter os cupins longe da casa também, fazendo as contas de quanto gastariam se assustaram com o valor 500 ryos?? Talvez seria mais que a recompensa da missão, o senhor propôs um outro modo de saudarem a dívida, ele estava apaixonado pela dona da floricultura perto de sua casa, mas não tinha coragem o suficiente para dizer isso e tinha a intenção de fazer algo romântico para ela, Touya logo pensou em uma serenata ao tom de liras, era perfeito, o senhor já havia escrito um pequeno poema e tudo que precisaram fazer era achar a melodia mais adequada a ocasião, com alguns minutos pensando e notas dedilhadas ao vento acharam a melodia que mais combinava com a letra do poema, foi uma verdadeira cena de novela que aconteceu ali na rua, os jovens Otton tocando a sua lira enquanto o senhor declamava seu poema, sem chances de resistir a dona da floricultura saiu com lágrimas de emoção nos olhos e deu um beijo de cinema no senhor, continuaram a dedilhar alegremente os gennins, eles conversaram por algum tempo enquanto os Otton cuidavam da trilha sonora, com um tom de "Trato é Trato" o senhor buscou em sua residência um saquinho com uma espécie de pó e ervas e o entregou nas mãos de Touya, seria a melhor solução para evitar a reinfestação, mas eles deveriam dar um jeito nos animais que já haviam se instalado por lá.

No pó continham ervas, produtos quimicos e bastante K-otrine, caminharam rapidamente de volta para a casa da missão e encontraram Batto sobre a mesa da cozinha com o pelo branco todo manchado com gosma e sangue de insetos deitado com a barriga estufada, havia comido demais, Touya pegou um grande balde e o encheu com água, Rangimaru e Batto foram despejando o conteúdo do saco no balde e misturando lentamente até a solução ficar homogênea um tom roxo escuro quase negro, o odor não era dos melhores mas seria necessário, com um pote menor foram despejando esse líquido nos cantos da casa e nos ralos, nos focos de infestações, com copos pequenos fizeram alguns lugares estratégicos para por esse liquido, no fundo de gavetas, no canto de armarios, nas paredes com cupins, mais algumas poucas horas de trabalho e a casa estava preparada para cuidar das futuras gerações de insetos, mas ainda havia um problema, os insetos adultos ali presentes, decidiram fazer uma pequena pausa para comer e descansar, pegaram o lanche enviado pela mãe após lavar muito bem as mãos, comeram igual verdadeiros animais, sem usar as mãos, a cobertura de plástico da vasilha foi arrancada com os dentes, com os cotovelos servindo de apoio para não derrubar, comer com a boca foi +- fácil, só não era agradavel de ser visto por outras pessoas, mas como não havia ninguém por perto e nem haveria nas próximas horas não tinha com o que se preocupar, depois de comer um pequeno e intenso descanso sucedeu-se, ainda tinham que terminar com o serviço então voltaram a pegar no pesado, Touya e Rangimaru dedilhavam a nova melodia aprendida, ainda não em capacidade máxima mas em algo suficientemente potente para lidar com insetos de pequeno porte, os insetos saiam de seus esconderijos e iam rastejando tentando sair da casa, tentativa inútil pois Batto comia todos que apareciam em sua frente, algum tempo e muito cansaço depois haviam terminado, calos estavam se formando nos dedos por exigirem demais deles para tocar as liras, terminaram o serviço e sentaram na cadeira da cozinha esperando os donos da casa retornarem, quando retornaram encontraram tanto Touya quanto Batto estirados na cadeira, dormindo e roncando bem alto devido ao cansaço, ainda era de tarde mas o cansaço havia acabado com qualquer possibilidades extras naquele dia, Touya foi acordado e explicou aos moradores algumas medidas preventivas e deu o endereço onde poderiam encontrar mais desse remédio anti-pragas que ele havia utilizado na casa, sem nenhuma melodia voltaram para casa rastejando em pé, Batto como sempre na cabeça de Touya dormindo, a lira ficou nas costas, estava cansado demais para tocar algo, chegando em casa preparou um bom banho quente com alguns sais aromáticos e ficou lá por um bom tempo, apenas relaxando e recuperando as forças, quase esqueceu de jantar, mas seu estomago 'roncante' fez o favor de o lembrar de comer um gigante prato de salada e carne antes de deitar no quarto para ler seu conto de horror leve e depois dormir em paz.


Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Aburame Rukisu [ADM]
ANBU
ANBU
avatar


Ficha do personagem
Honra Honra: 210

MensagemAssunto: Re: Missão Rank D - Otton Touya    Sex Jun 29, 2012 6:11 pm

Até inseto de Aburame? Tenho que visitar este lugar ^_^
O jutsu da música de fato não era a melhor opção pra se usar, mas vou considerar que começou a aprender a música.
10% do jutsu.
2 Habilidade
1 Controle de Chakra.
500Ryous.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Missão Rank D - Otton Touya    

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Missão Rank D - Otton Touya
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Missão Rank A] Estranho Dojo (Exclusivo ANBU)
» Missão RANK D - Hiperactividade
» [Missão Rank D] Redes Estragadas
» [Missão Rank C] Caçar Javalis
» Missão rank D - Olha o Filé!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Revo Online :: Vila da Folha :: RPG Zone :: Missões-
Ir para: